ARAÇATUBA | 19 DEZEMBRO
| 9:40 | 23° MIN 34°MAX |
Nublado e Pancadas de Chuva - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
Anunciante
Atlântico
Vereadora Tieza denuncia problemas na construção do Residencial Atlântico, em Araçatuba, ao MPF
Anunciante
A vereadora Tieza Marques de Oliveira (PSDB) acaba de ingressar com uma representação no MPF (Ministério Público Federal), com pedido de responsabilização da Caixa Econômica Federal, da construtora Lomy Engenharia e de seus responsáveis por uma séria de problemas por ela pontados em casas construídas no Residencial Atlântico, em Araçatuba, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida.

A representação de Tieza é motivada, segundo sua assessoria, por uma sucessão de reclamações recebidas no gabinete da parlamentar e visitas feitas por seus assessores a moradias do residencial, construído para atender famílias de baixa renda.

Na representação, a parlamentar do PSDB relaciona 13 problemas por ela apontados como vícios no processo de construção das casas: Vazamentos nos cômodos das casas; paredes germinadas, quando deveriam ser isoladas; irregularidades no funcionamento do aquecedor solar; nos encanamentos de água e esgoto da cozinha e banheiro; registros de inundações no interior das residências; falta de pisos em cômodos; galeria de esgoto foi feita de forma incorreta, vez que o encanamento utilizado é pequeno e os dejetos retornam para dentro das casas; portas que deveriam ser de madeira e de boa qualidade; infiltrações nos imóveis em razão de não ter sido feito "radier"; risco de desabamento em alguns imóveis; casas que foram construídas sem levar em consideração a acessibilidade para pessoas deficientes ou com mobilidade reduzida; cavaletes de água e luz deveriam estar na mesma posição, um ao lado do outro, porém, foram instalados cada um de um lado, não permitindo a construção de garagem e falta de aterramento dos lotes.

"Por conta do descaso das representadas e pelo fato dos moradores não poderem usufruir do seu imóvel, sofrendo transtornos quase que diários, não houve outra alternativa senão acionar o Ministério Público Federal, para que tome as medidas cabíveis", diz a vereadora em sua representação

Atlântico_01

OUTRO LADO

O Política e Mais questionou a Lomy Engenharia, sobre a representação feita pela parlamentar Tieza. A empresa, que além do Atlântico tem outros contratos com A Caixa Econômica para construção de moradias pelo Minha Casa, Minha Vida, inclusive em outras cidades, emitiu a seguinte nota:

"Em relação à proposta de representação da vereadora Maria Teresa Assis Lemos Marques de Oliveira, junto ao Ministério Púbico Federal (MPF), relativo ao Conjunto Habitacional Residencial Atlântico, a Lomy Engenharia esclarece que segue rigorosamente todas as normas estabelecidas pela Caixa Econômica Federal (Caixa) - o que inclui fiscalização e vistoria das obras - para os empreendimentos que constrói no programa Minha Casa Minha Vida.

Assim sendo, absolutamente todos os imóveis do referido conjunto respeitam essa premissa, sendo que seus projetos foram aprovados pela Caixa. A empresa não reconhece os vícios listados no documento. Vale explicar que, ao longo dos últimos anos, os projetos sofreram alterações, por parte da Caixa, que se refletem na diferença entre imóveis, como nos casos de geminação de casas, itens de acessibilidade e pisos, por exemplo.

Via de regra, casos envolvendo vazamentos, retorno de dejetos, inundações, infiltrações, rachaduras e aterramento, têm relação com falta de manutenção e fatores externos, que fogem da responsabilidade da Lomy.

Ressalta ainda que, no ato da entrega das chaves, todos os mutuários recebem o Manual do Proprietário, que traz orientações de procedimentos de preservação e manutenção dos imóveis. A empresa conta com serviço de Solicitação de Assistência Técnica (SAT), que registra, analisa, vistoria o imóvel e responde absolutamente todas as reivindicações dos mutuários, e atua com agilidade e eficácia nos casos julgados procedentes ou parcialmente procedentes.

Em contraponto à situação exposta pela vereadora, a Lomy faz questão de informar que ficou em terceiro lugar no Ranking Anual das Construtoras, do Programa de Olho na Qualidade (Junho de 2014 a Julho de 2015), da Superintendência Regional da Caixa, sendo elogiada pela contínua busca pela excelência na prestação de seus serviços.

Como sempre faz, a Lomy Engenharia, empresa que está há 15 anos no mercado e que preza pela transparência em suas ações, coloca-se inteiramente à disposição da vereadora, do Ministério Público Federal, da imprensa, de seus clientes e da sociedade, de forma geral, para quaisquer esclarecimentos."cheap replicas christian louboutin Replica Louboutin

faux christian loub shoes
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.