ARAÇATUBA | 19 OUTUBRO
| 18:37 | 20° MIN 30°MAX |
Pancadas de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
Anunciante
CIDADES
Vereador Jaime Silva protagoniza nova briga em público e ameaça estar armado; Araçatuba merece ter político assim? Veja vídeo:
Anunciante
Para que a sociedade elege um vereador? Em tese, para que esta pessoa seja seu representante e exemplo na condução do seu mandato. No entanto, parece que não é o que vem acontecendo com o parlamentar Jaime José da Silva (PTB), que, dias após protagonizar uma briga feia dentro da loja de uma operadora de telefonia celular, voltou a ter um vídeo seu publicado nas redes sociais neste sábado (11), demonstrando total descontrole e ameaça de estar armado após um suposto problema no trânsito de Araçatuba.

Delegado aposentado, professor de direito, ex-presidente da Câmara e hoje um vereador que se ajoelha aos pés do Executivo em busca de espaço para a indicação de cargos apadrinhados, Jaime José da Silva, pelo que se vê no vídeo que segue, não é o exemplo de político que uma sociedade precisa.



Ele aparece brigando com um motociclista e fazendo uma série de ameaças. Em sua companhia, um homem que aparenta ser seu assessor na Câmara usa uma câmera fotográfica para fazer imagens da pessoa com quem o ilustre parlamentar discute.

 Jaime, pelo que se pode ver, discute com uma pessoa em uma moto. Vai por algumas vezes até o carro e não economiza em gritos, o que é peculiar de sua personalidade, sempre colocando a mão à cintura, indicando estar armado.

É um caso de polícia. Polícia para investigar um policial aposentado, ou seja, um ex-defensor da sociedade, que, descontrolado, não se intimida em intimidar só por considerar que detém o poder em mãos. O Política e Mais espera que Jaime venha a público para se explicar sobre o que aconteceu.



Qual a razão da briga no trânsito? Houve alguma colisão? O que o motoqueiro lhe fez? Por qual motivo ele estava tão descontrolado? O que acontece com sua pessoa para sair fora do prumo com tanta facilidade, uma vez que já são duas gravações constrangedoras e preocupantes em tão pouco tempo?

O Jaime José da Silva da postagem abaixo não é o Jaime José da Silva eleito vereador para representar a população de Araçatuba. De gente assim, com comportamento duvidoso, o araçatubense não precisa. A cidade não precisa.

VERSÃO DO PARLAMENTAR

Após várias tentativas de ouvir a versão de Jaime, ele ligou para a reportagem do Política e Mais para dar sua versão. Disse que a discussão ocorreu nas proximidades da rua do Fico,. Ao acessar uma via transversal que diz não se lembrar o nome com certeza, afirma ter dado de frente com o motociclista na contramão. O vereador diz que o rapaz parou a moto e partiu para agressão contra ele um assessor

Jaime disse ainda que botou a mão na cintura para "dar uma migué", fingindo estar armado para não correr o risco de apanhar do motociclista. Ele afirma que a pessoa se irritou quando ele pediu a seu assessor para que fotografasse a placa da moto, que segundo ele estaria na contramão.

Questionado sobre a ameaça, colocando a mão à cintura, o parlamentar disse: Você interpreta como quer. O que eu faço eu assumo", disse. Em seguida, admitiu fazer menção de estar armado "para o cara ir embora".

"Eu fiz de conta para o cara ir embora", disse Jaime. "Não sou santo. Na média, tenho comportamento correto". E prosseguiu: "Estou com a consciência tranquila, de um cidadão normal".

ASSISTA AO VÍDEO QUE CIRCULA NA INTERNET NESTE SÁBADO, 11 DE MARÇO DE 2017:

[video width="400" height="400" mp4="http://politicaemais.com.br/wp-content/uploads/2017/03/WhatsApp-Video-2017-03-11-at-4.59.24-PM.mp4"][/video]

ASSISTA AGORA A  VÍDEO DA BRIGA DE JAIME EM LOJA DE OPERADORA DE CELULAR, EM 14/02:

[video width="220" height="400" mp4="http://politicaemais.com.br/wp-content/uploads/2017/02/JAIME-BRIGA-VIVO.mp4"][/video]
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.