ARAÇATUBA | 19 JUNHO
| 7:28 | 13° MIN 26°MAX |
Parcialmente Nublado - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
CIDADES
TÁ DIFÍCIL, HEIN DILA? Prefeitura ANULA chamada pública e contratação de OS para Hospital da Mulher fica 'a cargo de Deus'
A Prefeitura de Araçatuba não cumprirá a promessa feita à população de colocar uma nova OS (Organização Social) para administrar os serviços prestados pelo Hospital da Mulher a partir do próximo dia 6 de outubro. Nesta sexta-feira (29), sem dar muitas explicações, a Secretaria de Saúde publicou comunicado anulando chamada pública que teve apresentação de propostas no último dia 18.

Com isso, o governo DILAFLOR - formado pelo cimenteiro Dilador Borges (PSDB) e pela defensora dos Direitos Humanos, da Ética, da Legalidade e da Moralidade, Edna Flor (PPS) --, que já havia anunciado um gasto de R$ 400 mil para que a Santa Casa local assumisse os partos realizados pelo HM, terá que gastar mais com a instituição hospitalar, uma vez que terá de abrir nova chamada a partir da Publicação de um novo edital.

O Política e Mais apurou que três organizações chegaram a apresentar propostas. No entanto, todas elas tiveram problemas para atender às exigências do edital. São OSs das cidades de Birigui, do Rio de Janeiro e de São Paulo. Só "Deus" sabe quando um novo processo de contratação será realizado.

Sobre a anulação, fontes do site disseram que o município decidiu anular o procedimento para não sofrer problemas futuros. O fato de ter, entre as concorrentes, uma OS que passou 23 anos sob intervenção municipal por má gestão, também preocupa o governo DILAFLOR, que anda temeroso quanto a possíveis questionamentos futuros.

Após comunicar a anulação da chamada pública para o Hospital da Mulher, a administração municipal não veio a público ainda para explicar à população como ficarão os serviços, nem mesmo quando haverá nova chamada para contratação de outra prestadora dos serviços de partos, transferidos para a Santa Casa.

Até o início do mês, a unidade tinha gestão da Associação das Senhoras Cristas - Benedita Fernandes, que desistiu de continuar à frente dos serviços uma vez que é alvo de ação movida pelo Ministério Público por eventuais recebimentos indevidos da Prefeitura.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.