ARAÇATUBA | 21 OUTUBRO
| 20:10 | 15° MIN 29°MAX |
Parcialmente Nublado - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Anunciante
FAZER O BEM
Radialista escancara caos na saúde e privilégio a apaniguada
Anunciante
O Política e Mais não vão acrescentar mais nada. Vai apenas reproduzir na sua íntegra os apontamentos feitos pelo radialista e estudante de direito Marco Serelepe, sobre a situação dos veículos da secretaria de Saúde de Araçatuba.

Para ajudar o leitor a raciocinar, vamos só lembrar algumas ponderadoções da dupla DILAFLOR - o governo que precisa juntar dois "gestores" para forçosamente dar um - antes de assumir os cargos para os quais foram eleitos: enquanto vereadora, Edna Flor (PPS), na Câmara, era uma pedreira inteira. Atirava sobre todos os governos que teve oportunidade - os de Jorge Maluly Netto e Cido Sério (PT) - e cobrava resolução imediata.

Dilador Borges (PSDB), foi deputado tampão conhecido como o parlamentar das "ambulâncias". Afirmou em sua campanha ter distribuído mais de uma centena por todo o Estado. Garante que é alinhadíssimo com o governador Geraldo Alckmin (PSDB), que, até agora, nestes últimos dois meses, só passou por Araçatuba porque precisava pousar seu avião no aeroporto local. Para a cidade, mesmo, não deu uma "bala" até agora. Nem mesmo a duplicação da Elyeser Montenegro Magalhães (SP-463), que prometeu inaugurar em dezembro de 2016, veio entregar, uma vez que a obra não ficou pronta como o prometido.

Diante desta breve introdução, segue o que relata Serelepe:

Saúde de Araçatuba - Situação de Abandono e Desrespeito Total - Gestão Improba e Incompetente.

Quase não dá para acreditar nos fatos apurados que ocorrem atualmente na SAÚDE DE ARAÇATUBA. Em apuração e comprovação de fatos se chega a uma conclusão de que a ATUAL ADMINISTRAÇÃO não possui DE FATO o respeito prometido em campanha. Não se respeita a POPULAÇÃO, O BEM PÚBLICO, OS FUNCIONÁRIOS DE CARREIRA e o DINHEIRO PÚBLICO.

Vejam os fatos:



-A ambulância  de nº 639 é de ano 2015/2016. Está parada na oficina e a administração considera caro o conserto de R$ 13.000,00, se nega a licitar para consertar. A Van em questão tem capacidade para transportar 18 passageiros. A administração prefere então colocar para rodar carros menores (04 por dia) com pagamento às vezes de dois motoristas com horas extras, pedágio para os dois veículos, combustível para os dois veículos, gastando em pouco tempo, muito mais do que se pagasse para consertar. Sem contar, o NUMERO DE PACIENTES que ficam sem atendimento no dia que precisam, porque os veículos menores não dão conta de atendê-los. Os quatro veículos levam 12 pessoas e a VAN sozinha levaria 18.

- As outras ambulâncias estão todas no pátio da ZOONOSES, todas sem rodar e sem perspectiva de conserto devido ao fato da ADMINISTRAÇÃO ACHAR CARO.



-Enquanto isso, a Secretária de Saúde Carmem Guariente pediu URGÊNCIA para LICITAÇÃO PARA LOCAÇÃO de Van e Micro Ônibus para viagens às cidades de RIO PRETO, BARRETOS E SÃO PAULO. Essas viagens sairão a média de R$ 4.000,00 por viagem. Pagará para terceiros, mas não irá consertar o patrimônio público.

- Os motoristas da saúde trabalham sem o reconhecimento prometido pela administração. Tiraram deles as gratificações e limitaram as horas extras em 60 por mês. Depois disso, tudo vai para banco de horas. Alega-se não ter dinheiro, mas paga-se para terceiros. Um motorista ganha R$ 1.050,00 de SALÁRIO BRUTO e não possui expectativa de ganho maior, pois o dinheiro que iria para eles está sendo destinado a pagamento de terceiros.



- AMAROK PARA CIDA NAVA ERA USADA POR PACIENTES COM DEFICIÊNCIA: Na foto você vê caminhonete que está sendo utilizada pela CHEFE DAS UBS, Cida Nava, para percorrer as unidades. O veículos era utilizado para transporte de pacientes com deficiência em viagens para RIO PRETO.

A Administração tirou o veículo dos pacientes com deficiência para atender a uma funcionária. Os deficientes quando vão para os centros de tratamento, têm que levar as cadeiras de rodas e outros equipamentos que utilizam. Agora, utilizam carros menores e levam menos pacientes para que a chefe das UBS ande de carro de alto padrão.



-AMBULÂNCIAS DO SAMU: Além de nesta semana Araçatuba ter ficado sem ambulâncias do SAMU, quando estas retornarem, não estarão com o ar-condicionado funcionando. Isso coloca em risco os medicamentos que necessitam de temperatura controlada para sua manutenção.

Enviei e-mail pedindo explicações e até agora não responderam. Encaminharei toda a questão para o Ministério Público. Mas a situação requer a colaboração de todos os cidadãos contra o total desrespeito: COMPARTILHEM! Nossa SAÚDE E SEUS FUNCIONÁRIOS PEDEM SOCORRO!



O Política e Mais também questionou o Executivo, o governo DILAFLOR, aquele da cantilena "ARAÇATUBA MERECE RESPEITO". Lembram? O do vencedor de cimento que disse que iria governa a cidade como empresa.

Mas daí os aliados dizem: Ah! Eles estão do cargo só há dois meses, não dá para consertar as lambanças que outros fizeram em oito anos. Eles sabiam disso quando se candidataram. Certo? Então, se prometeram, devem cumprir e esquecer o passado. Quem vive dele é museu. Correto, DILAFLOR?


Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.