ARAÇATUBA | 19 OUTUBRO
| 1:29 | 20° MIN 30°MAX |
Pancadas de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Anunciante
Evandro
PSC estuda ir à Justiça Comum para ter 'novo rumo'
Anunciante
A situação da chamada "Frente Evangélica" nas eleições de Araçatuba ainda pode dar muito pano para manga. Reportagem publicada nesta terça-feira (13) pela Folha da Região indica que candidatos a vereador pelo PSC ameaçam deixar de concorrer se forem obrigados a mudar de lado na disputa majoritária.

Tudo se deve a uma troca de declarações entre o ex-presidente do PSC, o pastor Josué Galdino, e um dos principais líderes do partido no Estado, o deputado federal Marco Feliciano. Discussão que terminou com a destituição do araçatubense do comando da legenda.

Hoje sob o controle do também pastor Rener Baptista, o PSC local aguarda uma determinação da executiva estadual para tentar reverter sua aliança política para as eleições deste ano. O grupo que dirige a legenda não quer continuar com Dilador Borges (PSDB), mas sim juntar-se a Luís Fernando de Arruda Ramos (PTB), com quem teria havido um acordo prévio.

De acordo com o advogado Evandro da Silva, que nesta segunda-feira (13) acompanhou o novo presidente do PSC no cartório eleitoral, há elementos que podem ser questionados juridicamente. Apesar de os prazos da Justiça Eleitoral serem céleres e já terem se esgotado para alguns recursos, como o de impugnação da coligação, ele vê a possibilidade de o caso ir parar na Justiça comum.

Há, de acordo com o advogado, indicativos de desobediência ao estatuto interno do PSC. NO entanto, ingressar com uma ação na Justiça Comum ou mesmo na Eleitoral são fatores que não serão decididos pelo partido em Araçatuba, e sim pela direção estadual. "Há possibilidades, mas que vai decidir é o comando estadual", disse.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.