ARAÇATUBA | 23 OUTUBRO
| 22:42 | 20° MIN 31°MAX |
Pancadas de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
Anunciante
CIDADES
Prefeitura tem 285 estagiários com salário médio de R$ 916,54; ASGs, que dão duro de verdade, ganham menos: R$ 877,71
Anunciante
O advento da transparência no Poder Público é um troço interessantíssimo para quem gosta de acompanhar e tem paciência para pesquisar assuntos que, no geral, são de desconhecimento da população de cada cidade, de cada Estado, do País em si. O Política e Mais tirou uns minutos para dar uma bisbilhotada no site da transparência de Araçatuba e levantou informação que está, sinceramente, mais para piada do que realidade.

Com um total de 5.439 contratos de trabalho vigentes e folha pagamento líquida de 7.913.890,43, a Prefeitura de Araçatuba, que é carente de servidores em inúmeras funções, tem, simplesmente, 285 estagiários que estão cursando alguma faculdade. Não bastasse, abriga em suas repartições mais 42 mirins.

Tudo bem que estagiar é uma exigência curricular das universidades, mas sendo Araçatuba uma cidade que se aproxima dos 200 mil habitantes, não tem obrigação nenhuma de ter um número tão grande de estagiários em sua estrutura administrativa em detrimento da valorização de profissionais de carreira que com toda certeza pegam muito mais no pesado que os ilustres formandos, que na condição de aprendizes, acabam não exercendo as mesmas obrigações de um funcionário público.

DIFERENÇA EM VALORES

O que chama atenção no fato de a Prefeitura ter 285 estagiários universitários, é que ao final de cada mês, ela gasta mais com estes futuros profissionais do que com a categoria menos valorizada na estrutura administrativa do município. Os 42 mirins não geram despesas ao município.

Enquanto paga um salário médio de R$ 916,54 para cada estagiário em grau universitário, o que no geral representa uma despesa líquida de 261.216,10 no final de cada mês, para categorias mais castigadas, o custeio da administração municipal acaba sendo bem menor.

A Prefeitura de Araçatuba tem hoje, conforme o site da transparência, 341 agentes de serviços gerais. São trabalhadores que lidam, em sua vasta maioria, com os serviços mais pesados. Com todos eles, o gasto mensal líquido é de R$ 299.300,10. O que representa um salário médio de R$ 877,71.

A comparação é de se gerar indignação e cobrança. Tando da administração municipal, como do Sisema (Sindicato dos Servidores Municipais de Araçatuba). A entidade precisa fazer com que o governo municipal explique se a quantidade de estagiários se faz necessária.

Do mais, tem que cobrar do prefeito Dilador Borges (PSDB) e a vice Edna Flor (PPS), de promessa que fizeram exaustivamente durante a campanha eleitoral, de que no funcionalismo municipal, o menor salário se equiparia ao mínimo estabelecido no Estado de São Paulo, que é de R$ 1.076,20. Nacionalmente, o mínimo é de R$ 937,00.

VEJA RELAÇÃO DE SERVIDORES POR CARGOS E QUANTO CUSTAM AO MUNICÍPIO:

FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS - POR CARGOS
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.