ARAÇATUBA | 11 DEZEMBRO
| 14:0 | 20° MIN 33°MAX |
Predomínio de Sol - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Anunciante
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Prefeitura muda versão e admite uso de Whatsapp por diretora
Anunciante
Pelo visto, a administração TRANSPARENTE do governo DILAFLOR troca de respostas para questionamentos da imprensa assim como "muda de roupa". Após negar na segunda-feira (13), que a diretora de Urgência e Emergência da Secretaria de Saúde, Liege Tada Batagim dos Santos, "importada" de Suzanápolis para atuar em Araçatuba, fazia uso do Whatsapp para se relacionar com servidores subalternos, a administração municipal, sem ser questionada, mudou de posição após reportagem publicada pelo Política e Mais.

Na segunda-feira, o Política e Mais fez o seguinte questionamento:

"Prezada assessora,

Servidores de carreira da secretaria de Saúde, assim como terceirizados e até comissionados da pasta estão se queixando de um hábito que teria sido adquirido pela diretora de Urgência e Emergência da Secretaria de Saúde, Liege Tada Batagim dos Santos.

A referida funcionária apadrinhada não atenderia funcionários da pasta pessoalmente, SOMENTE VIA UM GRUPO DE WHATSAPP. Pessoalmente, ela só fala com chefes superiores.

É uma coisa estranha, se ter um meio mais fácil de classificar. Por isso, gostaria de saber o que a administração municipal diz a respeito. Conforma? Não? Por qual motivo, então, os servidores reclamam de tal procedimento.

Esperando pela resposta, que sempre demora a chegar..."

Em apenas UMA LINHA, a administração respondeu o seguinte, em nota enviada ao site às 17h07: "Não recebemos nenhuma reclamação ou menção de alguma ocorrência desta natureza".

Nesta terça-feira, o Política e Mais publicou matéria a respeito do uso do aplicativo, popularmente conhecido como "zapzap" pela referida diretora e, SEM QUALQUER NOVO QUESTIONAMENTO, o governo enviou o seguinte e-mail às 17h03:

"A diretora de Urgência e Emergência da Secretaria de Saúde, Liege Tada Batagim dos Santos, atualmente não utiliza sala na secretaria Municipal de Saúde, escolheu ter salas dentro das ?árias

unidades de saúde. O objetivo é estar mais próxima dos funcionários e atendê-los prontamente.

O Whatsapp se tornou um veículo de rápido acesso, grupos foram criados para facilitar o contato com os funcionários e para que os mesmos possam obter respostas de situações do dia a dia. É importante ressaltar que a diretora mantém o celular ligado 24h por dia para atender os funcionários e suas demandas, inclusive aos finais de semana.

Nestes primeiros dois meses a diretora realizou encontros com os servidores de todos os setores e novos encontros estão agendados e serão realizados. Tais encontros servem para que os mesmos tratem de forma reunida e mais rápida os assuntos".

Em resumo, a Prefeitura mudou sua resposta e, SIM, a diretora faz uso de um aplicativo de celular para se relacionar com seus subalternos. Ou seja. O Política e Mais não mentiu em nada que questionou. E continua mantendo o questionamento feito por funcionários que reclamam da falta de contato direto com a toda poderosa diretora apadrinhada pelo governo DILAFRLOR.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.