ARAÇATUBA | 20 AGOSTO
| 5:25 | 15° MIN 30°MAX |
Predomínio de Sol - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
CIDADES
Prédio onde Albergue Noturno de Araçatuba funcionou por 60 anos é demolido; entidade é transferida para o bairro Aclimação
O prédio que abrigou por 60 anos o Albergue Noturno Bom Jesus da Lapa, na Rua Tiradentes, em Araçatuba, foi demolido. A área, que pertence à Igreja Católica, deve ser utilizada para ampliação da Paróquia que dá nome à instituição que atende moradores de rua e pessoas em trânsito pela cidade e não têm onde ficar.

O Albergue Noturno Bom Jesus da Lapa foi fundado por Nair Madeu Falco em 16 de junho de 1956 e manteve suas atividades na Rua Tiradentes até dezembro do ano passado.

Agora, o albergue funciona no prédio da Associação São Domingos Sávio, localizada na Rua Clarismundo de Melo, 399, Bairro Aclimação.  O espaço oferece 18 leitos masculinos e 12 femininos, além de banheiros e refeitório. A partir do mês que vem, a entidade passará a oferecer mais 18 leitos masculinos.

A mudança foi necessária, segundo o voluntário Rodrigo José de Athayde, porque o prédio da Rua Tiradentes oferecia risco à população e a Vigilância Sanitária exigia uma reforma do espaço, que possuía madeiramento e instalação elétrica antigos, além de vazamento e infiltração.
Conforme Athayde, não compensaria reformar o prédio,  porque o comodato com a Igreja para o uso do espaço venceria em 2022.

A Associação São Domingos Sávio mantinha um centro educacional em suas instalações, no Bairro Aclimação, mas o projeto estava parado. No local, além do albergue, que tem cessão de 30 anos para o uso do espaço, funciona hoje a sede da Renovação Carismática Católica e também o "Farta Peça", projeto que atende semanalmente pessoas com esquizofrenia.

O espaço passou por reforma para abrigar o Albergue, que tem como contrapartida, ainda, reformar o telhado e fazer outras melhorias no prédio. Há também espaço para uma horta e uma quadra esportiva, que a diretoria pretende providenciar em breve.

O Albergue é mantido com doações e da renda obtida a partir de eventos organizados pela diretoria. A entidade tem uma despesa de R$ 6 mil ao mês e não recebe ajuda do poder público.

A entidade oferece 300 pernoites por mês a moradores de rua, viajantes e a pessoas que vêm de outras cidades para trabalhar em Araçatuba. Cem pessoas, em média, passam pelo albergue mensalmente.

Cada pessoa pode ficar três noites consecutivas no espaço, que abre sempre às 19h30. Ao chegar, a pessoa toma um banho e é oferecido um jantar. No dia seguinte, às 6h30, é servido um café da manhã. Dois funcionários trabalham no albergue, mas segundo Athayde, a intenção é contratar uma assistente social para fazer a triagem do pessoal e dar andamento ao Projeto Resgate, para oferecer condições de retirar as pessoas das ruas. "Não queremos fomentar o assistencialismo, mas dar uma chance às pessoas de melhorar a sua condição e sair das ruas", explicou Athayde.

O telefone do Albergue Noturno é (18) 3624-6960.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.