ARAÇATUBA | 21 SETEMBRO
| 6:28 | 18° MIN 30°MAX |
Pancadas de Chuva - Fonte: CPTEC/INPE
ECONOMIA E AGRONEGÓCIO
Anunciante
EM DESTAQUE
Indústria da região de Araçatuba lidera geração de empregos em julho
Anunciante

A indústria da região de Araçatuba foi a que mais gerou empregos no mês de julho no Estado de São Paulo, segundo pesquisa do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo). Foram gerados 1.000 postos de trabalho no período, o que representa uma variação positiva de 2,06%.

É o melhor desempenho desde março de 2017, quando o setor industrial gerou 1.300 empregos. 
Este ano, o desempenho de julho foi superior ao do mesmo período do ano passado, quando a variação foi negativa em 1,10%, o que equivale ao fechamento de aproximadamente 500 vagas no mercado de trabalho.

Das 1.000 novas vagas geradas no mês passado, 932 são do setor denominado de coque, petróleo e biocombustíveis, uma vez que as usinas de açúcar e álcool estão em plena safra da cana-de-açúcar e os canaviais precisam ser renovados. 

As outras 68 oportunidades de trabalho surgiram na indústria de alimentação, mais precisamente em um frigorífico da região que firmou parceria com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) para melhorar a qualidade da carne para a exportação.

“São fatores sazonais que contribuíram para a geração de empregos, portanto, isso não quer dizer que tende a continuar dessa forma”, afirma o diretor regional do Ciesp, Samir Nakad, que é também presidente do Sinbi (Sindicato da Indústria do Calçado e do Vestuário de Birigui).

De janeiro a julho de 2018, a indústria da região gerou 1.550 postos de trabalho, mas no período de doze meses, ou seja, de agosto de 2017 a julho de 2018, houve 2.300 demissões, provocadas pela crise econômica, agravada pelo aumento do desemprego e queda do poder aquisitivo da população.

OUTRAS REGIÕES

Das 35 diretores do Ciesp pesquisadas, 16 tiveram resultado positivo e 13, negativo. Outras seis apenas mantiveram os empregos, sem demissões ou admissões expressivas. Depois de Araçatuba, que aparece em primeiro lugar no ranking do emprego da indústria no Estado, com variação de 2,06%, estão Matão, com 1,44%.; Taubaté (0,86%); Diadema (0,79%) e Mogi das Cruzes (0,78%). 

Entre as diretorias com resultado negativo, as que mais se destacaram foram: Santa Bárbara d'Oeste (- 5,51%); Bauru (-1,60%); Presidente Prudente (-1,54%); Franca (-1,31%) e Piracicaba (-1,03%).


Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.