ARAÇATUBA | 15 DEZEMBRO
| 23:7 | 23° MIN 34°MAX |
Pancadas de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Anunciante
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
GESTÃO DILAFLOR TEM NOVA LICITAÇÃO SUSPENSA; AGORA, A DE LIMPEZA DAS ESCOLAS, AVALIADA EM R$ 8 MILHÕES
Anunciante
A Prefeitura de Araçatuba suspendeu a abertura de propostas, marcada para esta terça-feira (05), destinadas à contratação de uma outra empresa para executar os serviços de limpeza em 67 unidades escolares da rede municipal de ensino. A contratação estava avaliada em R$ 8 milhões.

Apesar de ter sido questionada no TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo), a Prefeitura optou por suspender o certame por conta própria, mesmo com a Corte fiscalizadora indeferindo um pedido de impugnação do edital de licitação, feito por um advogado.

O Política e Mais apurou que a administração municipal constatou a necessidade de retirar um dos itens de exigência contidos no edital de licitação, por conta disso suspendeu o certame milionário para a contratação de serviços que hoje são prestados pela empresa Bolívia Comércio de Materiais de Limpeza, cujos donos são ligados à direção de um dos partidos políticos que formaram a coligação da dupla DILAFLOR - o cimenteiro Dilador Borges (PSDB), eleito prefeito em 2016, e sua vice, a defensora dos direitos humanos, da ética, da legalidade e da moralidade, Edna Flor (PPS).

A atual responsável pela limpeza das escolas assinou contrato por até 180 dias, no valor de R$ 3.020.400,00. Ainda de acordo com o que apurou o Política e Mais, a Prefeitura deve publicar nos próximos dias um novo edital, uma vez que o contrato com a Bolívia, firmado sem a realização de licitação, vence no início de outubro e já teve pelo menos oito irregularidades apontadas em análise feita pelo TCE-SP.

De acordo com o edital que foi suspenso, a futura empresa deverá ter um contingente de 197 funcionários, sendo 183 dedicados apenas à limpeza de 67 unidades escolares pertencentes à Prefeitura.

COLEÇÃO DE SUSPENSÕES

Com a suspensão de mais um certame, a Prefeitura de Araçatuba, cujos gestores prometeram conduzir os atos públicos com extrema lisura, vai colecionando licitações paralisadas por algum tipo de problema. Já foram interrompidos os processos de contratação de uma nova concessionária do transporte coletivo na cidade; de mais de 800 mil itens em materiais escolares e de empresa para realização de manutenção em escolas, além desta para a realização de limpeza nas unidades escolares.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.