ARAÇATUBA | 18 AGOSTO
| 6:57 | 10° MIN 29°MAX |
Predomínio de Sol - Fonte: CPTEC/INPE
OPINIÃO
EDITORIAL
Eles pensam que Araçatuba está quase um 'paraíso'; nós sabemos que não

Vivemos no Paraíso e não sabemos. Vivemos? Se levarmos em consideração o que a Prefeitura de Araçatuba tem divulgado e parte da imprensa local estampado em suas manchetes, ao menos deveríamos viver em algo, quem sabe, parecido. No entanto, o que vemos é um propagandismo exacerbado que, mais uma vez – ou de novo, para quem preferir – coincide com um ano eleitoral.

Para quem leu o que jornais e alguns sites publicaram nos últimos dias, ou ouviu em programas de rádio e assistiu em  emissoras de tevê, pode até ter ficado com a impressão de que Araçatuba vive um de seus melhores momentos e que a cidade se tornou um lugar maravilhoso de se viver.

Bom seria se um quinhão dessa maravilha que a maioria da população não vê fosse realidade. Bom mesmo seria se os problemas que vivenciamos este ano não fossem os mesmos do ano passado, retrasada e por aí vai.

Uma das manchetes estampadas na imprensa local dias atrás dizia: “Araçatuba vai investir mais de R$ 13 milhões”. É dinheiro suficiente para resolver todos os problemas de sua população? Nem por sonho. É apenas um volume, destrinchado em uma penca de licitações coja finalidade principal é passar à população a impressão de que a cidade vive a tal da transformação.

Mentira. Entra governo sai governo, os nossos problemas são e serão sempre os mesmos: buracos por todos os cantos; saúde em estado de atenção; educação cumprindo tabela por ter dinheiro garantido para dar uma “boa” formação a seus alunos; gente em busca de emprego por conta da crise que vivenciamos. 

O grandioso pacote de investimentos que é dado como a “oitava maravilha do mundo”, conforme anunciado pelo governo que aí está e propagandeado por veículos de informação nada mais é que uma obrigação a ser colocada em prática por quem se dispôs a disputar uma eleição e que, principalmente, prometeu que tudo isso em troca do voto.

Nesse contexto, o que o araçatubense precisa saber é que milagre, ninguém faz. Todo governo tem seu momento oportuno para lançar seus “grandiosos” pacotes de obras na tentativa de “ganhar” a população por conta de algum interesse. Normalmente, para melhorar sua popularidade ou para ajudar como “bandeira eleitoral” de algum candidato.

Dos R$ 13 milhões que serão investidos, como promete a Prefeitura e quem tal notícia divulga, muito mal informa, por exemplo, que mais de R$ 3 milhões de todo esse montante será financiado pela agência Desenvolve São Paulo.

Isso significa que o governo do Estado de São Paulo, por meio de sua agência de fomento, vai “emprestar” pouco mais de R$ 3 milhões à Prefeitura local para que a população pague isso em um período de sete anos em com juros de 9,5%. O que, certamente, vai dobrar o valor que está sendo tomado do Estado na hora de sua devolução. E tudo isso, com aprovação da Câmara, que foi quem deu aval para a obtenção de tamanho empréstimo que terá de ser pago pelo povo, por meio dos impostos e taxas que já tem de pagar anualmente. 

Então, ler e reler que a Prefeitura vai investir milhões aqui e ali. Que vai melhorar isso e aquilo. Na mais pura realidade, nos obriga a uma séria reflexão. E a principal delas é de que tudo não passa de obrigação de quem está governando a cidade. Mesmo quando somos forçados a ouvir o discurso de que o governo de hoje está fazendo aquilo que não fez o de outrora.

Acreditar que este é melhor que aquele é a grande oportunidade que temos de errar. Ninguém, de fato, é melhor que ninguém. Cada um tem o seu jeito de fazer e o faz com as armas que têm. Certeza é que cada um aproveita, a seu modo, a melhor oportunidade para tirar a sua vantagem pessoal no quesito popularidade política. 

Passado o propagandismo e pouco depois de as obras serem realizadas, se assim o forem de fato, as queixas continuarão sendo as mesmas e falando mais alto pela cidade. A rua que hoje está em boas condições em questão de tempo ficará esburacada pela naturalidade do tempo e seus usuários reclamarão no mesmo tom daqueles que tiveram seus caminhos consertados pelo governo municipal.

De milhão em milhão, a atual administração pode até pensar que remeterá a população à ilusória sensação de que Araçatuba se tornará um verdadeiro paraíso para se viver. Pena de quem acreditar, pois o tempo é sempre o senhor da razão e os problemas, estes, não somem de uma hora para outra não. 


Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.