ARAÇATUBA | 24 JUNHO
| 9:55 | 17° MIN 30°MAX |
Parcialmente Nublado - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
E AÍ, PRESIDENTE PAPINHA? Câmara de Araçatuba acoberta novo caso de assessor investigado por possível prática de pedofilia
A Câmara de Araçatuba parece não aprender com fatos deploráveis que, num passado não muito distante, já deram à Casa de Leis uma repercussão para lá de negativa. O Política e Mais obteve, com mais de uma fonte, a informação de que há entre os servidores apadrinhados em gabinetes de vereadores, um nomeado que é investigado por um eventual crime de pedofilia cometido há pouco tempo.

Trata-se de um caso que chegou a ser noticiado por emissora local de televisão. A desculpa nos corredores do Legislativo, é de que a pessoa em questão ainda é investigada, por isso continua nomeada no gabinete de um determinado parlamentar.

Ocorre que, no ano passado, um episódio idêntico foi registrado na mesma Casa. O assessor de um vereador foi apontado em matéria de televisão como integrante de uma rede de pedofilia. De imediato, o parlamentar solicitou a demissão do funcionário. O que foi prontamente acatado pelo presidente da época.

Acontece que, por estar no gabinete de um vereador que tem fama de ser valente, a nomeação do investigado por pedofilia vem sendo tolerada desde o início do ano pelo presidente do Legislativo, Rivael Papinha (PSB). Ele já foi alertado sobre a questão e, principalmente, o desgaste que a questão impõe à imagem da Câmara.

Por mais que a pessoa esteja sendo investigada, por si só ela deveria, desde que o presidente tenha tomado conhecimento, ser afastada até que a situação seja esclarecida. Não dá para a população ficar custeando alto salário e outros benefícios a uma pessoa que, mesmo com presunção de inocência estabelecida legalmente a todo cidadão, não tenha uma acusação grave esclarecida judicialmente.

Papinha pode se complicar, uma vez que ele sabe do que acontece. Até porque, foi avisado mais de uma vez por pessoas que sabem da situação. Porém, o presidente do Legislativo parece se preocupar mais com outras coisas, como questões que venham a agradar o Executivo, de quem busca apoio para uma possível candidatura a deputado em 2018.

Se não quiser perder votos por acobertar um caso grave como o que se mostra, o presidente da Câmara, que por sinal não tem mais atendido a ligações do Política e Mais, copiando o que tem feito os atuais prefeito e vice de Araçatuba, precisa tomar providências o quanto antes. Afinal, é ele quem "manda" no Legislativo.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.