ARAÇATUBA | 19 AGOSTO
| 8:11 | 14° MIN 28°MAX |
Predomínio de Sol - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Cetesb concede à Prefeitura de Araçatuba licença para operação do aterro sanitário até 2023
A Prefeitura de Araçatuba Conseguiu da Cetesb (Companhia de Saneamento de São Paulo), licença para operação do aterro sanitário municipal, incluindo a nova célula para despejo de lixo, até 12 de janeiro de 2023.

A licença foi comemorada pelo prefeito Dilador Borges (PSDB) em sua página no Facebook. Em documento, a Cetesb deixa claro que a licença não substitui legislações federal, estadual e municipal sobre o saneamento de resíduos urbanos.

A Prefeitura de Araçatuba, que terceirizou recentemente a gestão do aterro sanitário e a coleta de lixo na cidade à empresa Monte Azul Ambiental, terá de fiscalizar a destinação e tratamento dos poluentes gerados pelo aterro.

A nova licença dá fôlego ao governo municipal, que no ano passado enfrentou problemas com a falta de espaço para o despejo de lixo.

O grupo político do prefeito Dilador Borges, desde a administração passada, trava uma disputa por conta do lixo em Araçatuba. Movimentos e leis foram criados para impedir a construção de um centro de gerenciamento de resíduos na região do bairro rural da Prata. O grupo Estre Ambiental chegou a comprar área para construir um aterro particular, mas não conseguiu viabilizar o empreendimento.

"Nossa cidade deu um grande passo em sua gestão ambiental com a licença definitiva de operação do nosso aterro sanitário. É uma conquista histórica", comemorou o prefeito.

Veja íntegra da licença ambiental:







 
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.