ARAÇATUBA | 18 JUNHO
| 10:26 | 16° MIN 28°MAX |
Pancadas de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO
Câmara investigativa? Esqueçam. Vereadores de Araçatuba não querem saber disso. Ver problema é raro para os 'nobres'
A Câmara de Araçatuba arquivou nesta segunda-feira (03), o quarto pedido de abertura de CP (Comissão Processante) para investigar atos do governo DILAFLOR - este aí, formado pelo cimenteiro Dilador Borges (PSDB) e a defensora dos direitos humanos, da ética, da moralidade e da legalidade, Edna Flor (PPS).

O resultado já era esperado, uma vez que, em apenas três meses de legislatura, o araçatubense vê a Casa de Leis mais omissa que a cidade já teve em todos os tempos. O Executivo pode fazer o que quiser que, graças a pingados cargos comissionados e funções gratificadas distribuídos a aliados políticos da maioria dos parlamentares, os parlamentares não vão se indispor com o governo.

Sendo assim, a proposta de CP feita pelo advogado Lindemberg Melo Gonçalves, com base em denúncia do jornal Folha da Região, de 24 de março, de que enquanto UBSs e Farmácia Municipal sofriam com a falta de medicamentos e fraldas geriátricas, tais produtos estavam estocados no almoxarifado da secretaria de Saúde.

Bastaram simples explicações dadas pelo Executivo, as principais em reunião nesta segunda-feira com a secretária de Saúde, Carmem Guariente, para que os ilustres legisladores se convencessem de que investigar não seria necessário.

Vergonha? Não. Muito provavelmente eles já a perderam há tempos. Até mesmo os que são marinheiros de primeira viagem. Para isso, basta avaliar o voto contrário à apuração da Comissão Permanente de Saúde da própria Câmara, formada por um filho de médico, por um médico e um delegado. Nenhum deles encontrou motivo para investigar nada. Afinal, que problema tem o cidadão ficar um dia, uma semana, um mês sem remédio ou fralda? Faz parte do jogo.

Por isso, encerramos aqui tudo que tinha de ser falado sobre o arquivamento da CP. Quem quiser entender melhor a questão, que pergunte ao candidato que ajudou a colocar na Câmara. Talvez ele lhe convença que está certo. Do contrário, mude. Vote em outro no pleito de 2020, que está logo aí.
Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.