ARAÇATUBA | 12 NOVEMBRO
| 22:50|
ÓPTICA SONORA 11

Boas novas e ótimas vidas musicais a Todos. 
A nostalgia nos remete a lembranças acolhedoras para acalmar a turbulência energética pairada sobre nosso cotidiano de afazeres profissionais, sociais, familiares e principalmente no panorama político vigente em nosso País. Nesse momento da leitura de minhas divagações, já sabemos quais são os responsáveis, pelos próximos quatro anos, por conduzir as diretrizes federais e estaduais e consequentemente, o futuro de nossa Nação. Em meio a tudo isso e retomando o assunto inicial, recebi na semana passada uma mensagem no whatsapp de um querido amigo de faculdade e parceiro da composição Avelã, nosso Cisso Bado, mano véio, minino intaidô. Era um link (abaixo), da banda Golpe de Estado, “Ignoro”, uma música marcante do repertório tocado nos shows da banda Beco, da qual fui vocalista desde seu início em 1989 até 1992 e inexplicavelmente, a canção havia desaparecido de minha memória musical. Amnésia total. A sensação foi algo parecido com o déjà vu, somado à emoção a flor da pele e arrepio até a alma. O tempo faz com que nossa memória desligue alguns conduítes e quando nos reconectamos a essas passagens adormecidas, recebemos de presente uma cascata de sentimentos, fazendo relembrar os momentos que construímos e conservamos no valor de importância em nossas vidas. Gratidão meu Amigo, foi bonito demais voltar no tempo. Complemento em agradecimento a Todos os também especiais e queridos Amigos da eterna 49ª turma da Odonto Lins – Neuras – Verde e Branco; Carlinhos do BDI(in memorian), da dupla com o Calique, que batizou a banda de Beco; aos Amigos da 1ª formação: Rico Belúcio, Fábio Martins (Binão), Wado e Del Floreano; aos Amigos da 2ª formação: Marcelo (Animal), Zé Antônio, João Izar, Álvaro e as participações do José Amadeu (Diferente); ao Deraldo e seus belos painéis pintados durante o show; à Equipe de Som do Carlão que nos acompanhava, aos demais amigos da rep: Paulão, Barreiro e Gil e a Todos os participantes dessa história. Esse 11º post é voltado às canções de uma época distante, inclusas nas referências de formação musical e que privilegiadamente tive a oportunidade de ouvir, tocar e/ou cantar nessa caminhada de música e paixão durante minha fase rock’n roll nacional. Veja também a Agenda de novembro do SESI Birigui. Divirta-se !!!  


A música me transporta para um mundo no qual a dor não cessa de existir, mas solta-se e tranquiliza-se.    Marguerite Yourcenar

 

Ignoro - Golpe de Estado

https://youtu.be/dfpZyIMqRkY

Formada em 1985, a banda de Hard Rock Golpe de Estado se consolidou na cena paulistana, em apresentações, sempre com lotação de público, e tendo divulgado suas músicas, com certa frequência na rádio FM 97 Rock. O disco Nem Polícia Nem Bandido foi lançado em 1989 pela gravadora Eldorado,  e com este trabalho abriram os shows para o Jethro Tull  e Nazareth.

Minha Vizinha - Os Replicantes

http://https://youtu.be/HNo9qJP6oN0 
O nome Os Replicantes é uma referência aos androides do filme Blade Runner (1982) de Ridley Scott, no qual os replicants do filme eram muito parecidos com os seres humanos, porém mais fortes e ágeis. É uma banda brasileira de punk rock, formada na cidade de Porto Alegre em 1983. Papel de Mau é o terceiro álbum de estúdio lançado em 1989 pela gravadora BMG.

Metal Contra as Nuvens - Legião Urbana

https://youtu.be/IrlGz6F6X4k

Metal Contra as Nuvens é a mais longa música da Legião Urbana, com duração máxima de 11'30". Lançada originalmente em 1991, no disco V, a música ganhou várias versões, sendo gravada posteriormente no Acústico MTV (1992), e depois no famoso show Como é que se diz eu te amo (1994).

Clitóris - Titãs

https://youtu.be/AOK8KNigztE

Tudo ao Mesmo Tempo Agora é o sexto álbum de estúdio da banda brasileira de rock Titãs, lançado em 1991. É o último álbum com o vocalista Arnaldo Antunes, que deixou o grupo em 1992.

São Paulo - 365

https://youtu.be/nZSKwKItK7w

Fundada em 1983, com os ex-integrantes da primogênita banda punk paulistana Lixomania e um ex-integrante do Psykóze, com influências do punk-rock e new wave. Em 1986 é lançado o disco-mix e a canção "São Paulo" torna-se um grande sucesso e posteriormente um clássico do rock nacional.

Prisão das Ruas - IRA

https://youtu.be/IK64A7QL-2k 
Meninos da Rua Paulo chegou às lojas de discos no final de setembro de 1991. Apesar de o Ira! fazer aparições na mídia televisiva, o disco não conseguiu chegar à marca de 10 mil cópias vendidas. Na crítica especializada, o álbum pouco despertou interesse. Um dos raros elogios veio de Sérgio Sá Leitão, em resenha escrita para a Folha de S. Paulo: "Ira! volta a mostrar os impulsos juvenis do primeiro LP, desgastados em outras investidas menos felizes. Canções acústicas como 'Prisão nas [sic] Ruas' e 'Amor Impossível' remetem ao amor aos 20 anos de 'Coração'. [...] o grupo escapou à lama que aprisiona o pop pátrio."

Música: Revanche - Lobão

http://https://youtu.be/OHobgkqBgeY

AGENDA - NOVEMBRO - SESI BIRIGUI

https://pt.calameo.com/read/004061465617280c196a4

 


O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.