ARAÇATUBA | 19 JANEIRO
| 19:4 | 21° MIN 34°MAX |
Poss. de Panc. de Chuva a Tarde - Fonte: CPTEC/INPE
CIDADES
Anunciante
CUIDADO COM O MOSQUITO!
Araçatuba está em risco de ter um surto de dengue, chikungunya e zika
Anunciante

Araçatuba está em risco iminente de ter um surto de dengue, chikungunya e zika. Dados do Ministério da Saúde divulgados nesta quinta-feira (13) apontam que a cidade tem um índice de infestação do mosquito Aedes aegypti de 5,1%. É o maior índice da região.  O ideal é que estivesse abaixo de 1%.

O número apresentado pelo Liraa (Levantamento Rápido do Índice de Infestação pelo Aedes aegypti) significa que, em cem imóveis visitados pelos agentes de controles de endemias, cinco têm criadouros do mosquito.

Outros 15 municípios da região de Araçatuba estão em alerta para as doenças transmitidas pelo mosquito. Nestas localidades, os índices vão de 1% a 2,7%.

São eles Alto Alegre, Buritama, Castilho, Coroados, Glicério, Guzolândia, Ilha Solteira, Luiziânia, Nova Luzitânia, Mirandópolis, Penápolis, Pereira Barreto, São João de Iracema, Santópolis do Aguapeí e Sud Mennucci.

Segundo o Ministério da Saúde, o índice é considerado satisfatório quando está abaixo de 1%; de 1% a 3,9%, a situação é de alerta; e superior a 4%, como é o caso de Araçatuba, há risco de surto de dengue.

O Liraa é realizado nos imóveis. Os agentes vistoriam os locais onde o Aedes aegypti possa estar, como ralos de banheiros, gaveta de geladeira, recipientes deixados onde possam acumular água, dentre outros.

Em todo o País, 504 municípios brasileiros apresentam alto índice de infestação, com risco de surto para doenças transmitidas pelo mosquito.


Anunciante
O Araçatuba e Região não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Entre em contato através do telefone ou whatsapp a seguir e saiba como anunciar aqui
(18) 99774 5888
Copyright © 2018 Política e Mais. Todos os direitos reservados.